Odontologia e Disfagia nos Adultos





Melhores preços do Magazine Luiza. Clique aqui





Disfagia é o nome dado à dificuldade de levar alimentos ou saliva da boca ao estômago.  Ela é uma condição comum em pacientes com doenças neurológicas (por exemplo, derrame, Parkinson, paralisia cerebral) e naqueles com tumores ou traumas da boca ou garganta.

A complicação tem sintomas de difícil diagnóstico por estar relacionada a inúmeros fatores que podem ser tanto alterações emocionais, como sistêmicas ou locais.

O primeiro diagnóstico precisa ser feito pelo próprio paciente ao perceber a dificuldade em engolir. Feito isso, a interpretação do sintoma deve ser feita pelo especialista, com uma análise clínica minuciosa baseada nas queixas do paciente e no exame intrabucal

Como a boca é a porta de entrada para todo o sistema digestivo, a saúde desse ambiente pode ter total relação com a disfagia. Se a dificuldade em ingerir alimentos continuar, sérios problemas podem surgir. Entre eles estão a cárie, pelo grande acúmulo de resíduos nos dentes, e o aumento de infecções causados por fungos. É imprescindível o correto diagnóstico feito pelo especialista. Desta forma, será possível identificar as consequências bucais.

Na avaliação do dentista, é importantíssimo a procura por lesões na região, para a exclusão de possíveis doenças locais, como o câncer de boca. Não ignore os sinais do seu corpo. Se sentir um incômodo, procure um especialista. O diagnóstico é fundamental para ampliar as possibilidades de cura de complicações sérias.


Curso online - DISFAGIA II
- Avaliação e Tratamento em Adultos
- Nível Intermediário



Comente:

Nenhum comentário